Realidade virtual é destaque na 19ª edição do evento

 

Concreto e virtual, razão e emoção, potências da nossa percepção sob a realidade, inúmeras vezes antagonizadas em narrativas apocalípticas sobre um futuro pós-humano privado dos sentidos, se fundem nas experiências imersivas na 19ª edição do FILE (Festival Internacional de Linguagem Eletrônica), que estreia hoje no Centro Cultural Fiesp.

Com o mote O Corpo é a Mensagem, uma alusão a uma das frases célebres do livro Os meios de comunicação como extensões do homem, publicado em 1964 por Marshall McLuhan, a edição do evento reúne cerca de 250 obras de artistas do mundo inteiro voltadas ao protagonismo do corpo na ressignificação da realidade por meio de novas tecnologias.

Outrospecter, em exibição no File

Um exemplo interessante é a obra “Outrospecter”, inspirada nas investigações sobre narrativas de quase morte, que permite ao público experimentar a sensação de sair do próprio corpo por meio de imersão no ambiente mediado em realidade virtual, observando-o como um espectador sob a ótica de um robô.

“Por muito tempo, limitamos nosso entendimento sobre o virtual como um êxodo, mas nessa obra o experimentamos como uma entensão da experiência com o ambiente físico, uma nova forma de fazer arte”, pontua a curadora Paula Perissinotto.

Essa metáfora da tecnologia como extensão da consciência se materializa nas instalações Habitat, um conjunto de macas que estimulam os membros do corpo com oscilações táteis conforme o biofeedback de tensão por elas capturado por microssensores, e You are the Ocean (Você é o Oceano), cuja intensidade da maré projetada na parede é controlada pelas ondas cerebrais dos participantes.

Objective realities

Objective realities

Já em Objective Realities (Realidades Objetivas), os participantes incorporam avatares de objetos domésticos como ventilador, tomada ou robô de limpeza para interagirem com o ambiente mediado em realidade virtual.

Experiências como essas nos fazem reativar as conexões de aprendizados assimiladas por meio do corpo em ação, muitas vezes adormecidas por anos a fio de pensamento sentado na escola tradicional, resgatando todos os sentidos para redescobrir o mundo à nossa volta.

 

Serviço:

FILE São Paulo 2018

Local: Centro Cultural Fiesp (Avenida Paulista, 1313 – em frente à estação Trianon-Masp do Metrô)

Período: 4 de julho (quarta-feira) a 12 de agosto (domingo) de 2018

Horários: de terça-feira a sábado, das 10h às 22h; domingos, das 10h às 20h

Classificação indicativa: livre para todos os públicos

Entrada grátis. Agendamentos escolares e de grupos pelo e-mail ccfagendamentos@sesisp.org.br

Mais informações: www.centroculturalfiesp.com.br e www.file.org.br.

 

Fotos: Divulgação

Comentários

Comentários