Um novo posicionamento, com foco no design, a favor do ser humano e do meio ambiente

O conceito de economia circular tem algumas descrições variadas, mas que convergem para o bem-estar do ser humano e a sustentabilidade do planeta. Carla Tennembaum, co-fundadora da Ideia Circular, defendeu, em entrevista para a Plataforma de Economia Circular das Américas que, “mais do que uma estratégia, trata-se de uma imagem-guia, que mostra como a indústria e a economia precisam funcionar para garantir um futuro bom para as próximas gerações”. De acordo com ela, essa é a visão de um sistema industrial e econômico que é projetado para ser regenerativo e eliminar o conceito de lixo, mantendo os recursos em circulação com o maior valor possível.

Como parte importante da economia, especialmente no Brasil, a indústria da moda tem na ideia circular uma possibilidade para caminhar em direção a um futuro de abundância, não de escassez. Jussara Romão, consultora criativa e fundadora do evento Fashion Tech Brasil, que apresentou esse tema em 2019, afirma que “o sistema econômico ‘extrair, transformar, descartar’ atingiu os limites que o planeta pode suportar. É preciso reinventar e colocar em prática novas formas de produção. Chegou a hora de transitarmos para um sistema que proporcione melhores resultados econômicos, sociais e ambientais”. Quando questionada sobre os motivos que a levaram a eleger o assunto para o evento, ela é categórica: “porque é uma conscientização da construção de um novo mercado. É uma revisão de valores, de relação com o consumo. E isso é mais profundo do que propõe a palavra sustentabilidade, que foi de onde partiu a ideia para o evento em 2019”.

Mas partir para um novo sistema, requer inovação e estímulo a um raciocínio para o novo. Jussara compartilha que a programação do evento foi desenhada para focar na diversidade de olhares e experiências, em como cada um está exercendo sua ação sobre o tema, promovendo aprendizado para além do conceito. E a mesma lógica pode ser aplicada por quem está à frente de negócios de moda que já existem ou na fase de ideação de uma marca de moda circular: se descolar somente do conceito e entender o que e como as coisas podem ser feitas.

Moda circular no mundo pós-pandemia

Os problemas ambientais e sociais enfrentados pela moda não são novidades, mas a pandemia escancarou a necessidade de mudança e revelou esse desejo por parte de muitos criadores. Servir a um sistema, a um calendário e a modos verdadeiramente ultrapassados, não parece mais uma opção para quem já entendeu os efeitos nocivos desse padrão de mercado. E há alguns anos a palavra propósito se desenha como solução para virar a chave da moda. Mas ter um objetivo em mente talvez não seja o suficiente para repensar tantos processos, como os que envolvem essa indústria. Para superar toda essa crise, uma ferramenta que gere oportunidade de mudança da produção ao fim de vida do produto tende a ser mais eficaz.

A moda circular diz respeito a todo o ciclo de vida do produto e o seu conceito redesenha a indústria para um trabalho pelo ser humano e pelo meio ambiente. Produção, transporte, armazenamento, venda e as relações com o usuário devem ser pensadas e realizadas de forma responsável. Mas é importante frisar que para o sistema realmente se tornar circular, todas as partes envolvidas precisam mudar, porque cada um, seja produzindo ou consumindo, desempenha um papel nessa engrenagem. “Alguns aprendizados sobre moda circular depois de promover o evento são sobre o desafio de conscientizar o mercado e fazer com que o consumidor entenda esse processo e a sua responsabilidade ao comprar um produto que destrói o meio ambiente e que colabora para a manutenção dessa estrutura que a gente conhece e sabe que não é a mais produtiva, porque não nos oferece futuro”, afirma Jussara.

Conexão com a função do designer

Toda a lógica de transformar a moda num sistema circular se conecta com o real significado do designer, que aqui no Brasil foi também nomeado como estilista. O ofício do designer tem mais a ver com buscar soluções e colocar intenção na criação dessas soluções, e muito menos com algo relacionado a reproduzir. Essa função talvez seja uma das mais importantes para a economia circular e na estratégia de transformação da moda para esse sistema. Reconstruir o pensamento do estilista é necessário, já que design, nesse caso, é mais do que a construção ou o desenho de um produto, mas também de todas as fases que envolve o negócio!

Associar o trabalho do designer de moda apenas ao produto é reduzi-lo, quando se fala de moda e economia circular. O produto é resultado de um processo que nasce na extração de matéria-prima do meio ambiente e não tem um fim na comercialização. A fase do design precisa considerar o que vem antes e o que acontece após o uso, porque a concretização da circularidade está muito presente nesse processo.

5 marcas de moda que trabalham com a ideia de economia circular para conhecer e se inspirar:

CaMon UPZW

Ver essa foto no Instagram

O xadrez está presente em muitas culturas. É maioria nos guarda-chuvas e nos casacos de inverno. Uma estampa nada básica mas que virou um “básico” no estilo , como os poás e onçasDeixa nossos dias de inverno alegres, cheios de cores. ⠀ A chuva deu uma trégua e o frio ficou um pouco longe, seguimos com a criação lenta porém sempre muito especial. ⠀ ⠀ Ajude essa pequena empreendedora de marca com próposito,compartilhe nossas criações com quem também adora xadrez e sustentabilidade. … ⠀ Quer fazer fotos com manequim invísivel para sua marca? chama a diva Paula,apoie mais uma mana aqui : Edição de imagem @paula_ranieri ⠀ ⠀ ⠀ ⠀ #upcycle #zerowaste #lixozero #feitodeguardachuva #modasustentavel #upcycledfashion #zerowastefashion #circulardesign

Uma publicação compartilhada por CaMon UPZW (@camon.atelie) em

COMAS

Revoada

 

Ver essa foto no Instagram

 

#LoteColaborativo – ABERTO ✨ Arrasta pro lado e vem conhecer as Jaquetas Garoa da categoria: ‘Lisos’ >> . Quer conferir nosso catálogo digital completo? Ele já está disponível – com 20 composições incríveis – nos nossos destaques e no link da bio! . Importante lembrar: 1. As vendas estão sendo feitas pelo wpp: (51) 98215-8287 (No post anterior explicamos o passo-a-passo direitinho <3); 2. Qualquer estampa pode ser em qualquer tamanho; 3. Cada Jaqueta é única e reversível (um lado estampado e o outro naquele pretinho básico); 4. Todo mundo que comprar uma Jaqueta Garoa leva pra casa uma máscara presente! 5. Você também tem a opção, por meio da sua compra, de fazer uma doação de um kit de máscaras que será destinado para a UT Campo da Tuca – uma das unidades de triagem onde compramos os guarda-chuvas para serem reinventados. 6. Frete grátis para todo o Brasil. . STATUS: Garoa 11: Disponível Garoa 12: Disponível Garoa 13: Disponível Garoa 14: Disponível Garoa 15: Disponível . Se você acredita no nosso projeto, essa é uma forma de estar junto com a gente e fortalecer nossa rede. Vambora? . #lotecolaborativo #revoada #economiacircular #vouderevoada #designvital #upcycling #modasustentavel

Uma publicação compartilhada por Revoada (@revoada) em

Biaquefez

 

Ver essa foto no Instagram

 

RECICLO// LINHO O linho é um dos tecidos mais antigos e presentes na moda. Segundo dados históricos, provavelmente tenha sido um dos primeiros tecidos produzidos. A leveza, durabilidade e versatilidade me encantam além da questão de sustentabilidade. Um look de linho pode te vestir em locais que pedem elegância da mesma forma que pode te acompanhar no dia-a-dia de forma descontraída. Cada dia notamos mais necessidade de peças práticas e versáteis no guarda-roupa. Look: Bata Reciclo e Calça Caê laço Disponíveis no site (link na bio) . www.biaquefez.com.br . . #biaquefez #upcycling #upcyclingfashion #confy #confylook #confystyle #modacircular #modasustentavel #sustainablefashion #sustainability #sustainableliving #sustentabilidade #confortoeestilo #arteparavestir #paletadecores #linho #purolinho #produtonacional #feitonobrasil #fashionrevolution #quemfezsuasroupas #compredequemfaz #economiacriativa #pequenoprodutor #stayhome #staysafe #fiqueemcasa #exclusivo #moda #arteemoda

Uma publicação compartilhada por Biaquefez (@biaquefez) em

Amarela Upcycling

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por A M A R E L A UP C Y C L I N G (@amarelaupcycling) em

Comentários

Comentários